EmpresasMercadoNegócios

Adobe compra empresa por R$ 16 milhões

A fabricante norte-americana de Photoshop está aprimorando seu foco no negócio de nuvem em rápido crescimento, um mercado ferozmente competitivo dominado pela Microsoft Corp, Oracle Corp e Salesforce.

Os aplicativos de marketing business-to-business do Marketo complementarão o negócio de marketing digital da Adobe, que fornece ferramentas baseadas na nuvem para ajudar a criar, gerenciar e analisar campanhas de publicidade e marketing, disseram as empresas.

O Marketo, iniciado em 2006 como um serviço de email marketing, foi privado pelo Vista por US $ 1,8 bilhão em 2016.

A empresa, sediada em San Mateo, na Califórnia, gerou receita de cerca de US $ 321 milhões em 2017, segundo a agência de classificação de crédito Moody’s Investors Service Inc.

O acordo deve ser fechado no quarto trimestre do ano fiscal de 2018, da Adobe, e o diretor executivo da Marketo, Steve Lucas, vai se juntar à equipe de liderança sênior da empresa e continuar liderando a equipe de Marketo, disse a Adobe.

Depois que o Vista adquiriu o Marketo, ele mudou sua equipe de gerenciamento, adicionando Lucas, um ex-executivo da SAP SE, como CEO em 2016, que ajudou a revitalizar o crescimento das vendas na empresa.

Adobe tem sido uma espécie de compras ultimamente. Em maio, concordou em comprar a provedora de serviços de e-commerce baseada em nuvem Magento Commerce, da empresa de capital privado Permira, por US $ 1,68 bilhão.

Reuters informou exclusivamente no início deste mês que a Adobe estava em negociações para comprar o Marketo.

JP Morgan aconselhou a Adobe, enquanto seu consultor jurídico era Hogan Lovells. Morgan Stanley e Kirkland & Ellis assessoraram Marketo e Vista Equity Partners.

As ações da Adobe subiram marginalmente em negociações estendidas.

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close